Resenha: A Epidemia



Título Original: The Crazies
Lançamento: 2010 (EUA)
Direção: Breck Eisner

Duração: 101 minutos

Gênero: Terror
 

SINOPSE:

Depois que uma pequena cidade foi exposta a um misterioso vírus ou arma biológica, a insanidade começa a tomar conta do local. O exército toma de assalto a cidade e, sem saber o que se passa, o xerife David Dutton (Timothy Olyphant), sua esposa Judy (Radha Mitchell) e outros moradores lutam com todas as forças para sobreviver ao ataque dos habitantes, que se tornaram frios assassinos e zumbis sedentos de sangue.


Sou suspeita para falar de qualquer filme que seja estrelado pelo Timothy Olyphant pois ele é maravilhoso: lindo, inteligente e excelente ator. Aí, além de colocar ele como ator principal o diretor ainda faz um filme com meu segundo tema predileto: armas biológicas! Acabou, adorei o filme! A história é plausível, com toques de insanidade (afinal escapar de uma base militar não é a coisa mais fácil do mundo!). A atuação dos atores foi muito legal. Não espere a história mais surpreendente do mundo pois ela não é. Ao contrário é uma história previsível e superbatida. Aliás os militares nesses filmes são retardados como em todos os filmes do tipo que já vi (vai entender essa idéia americana de militares retardados). Recomendo o filme para quem curte o gênero.

Observação: Todos os posteres desse filme que eu achei eram horríveis. Esse foi o único que reflete razoavelmente esse filme.

E fechamos com 
Timothy Olyphant que vale super a pena!