Arquivo | agosto 2011

Resenha: Amanhecer

UAU. Sim esse livro é UAU. Honestamente? A Autora podia ter dividido o conteúdo em 2 livros e seria tranqüilo. Aliás seria perfeito pois assim teríamos explicação para muitas coisas, mas ok. Dizer que esse livro é denso é apelido. É muita informação, uma em cima da outra, reviravoltas impressionantes, provas de amor, disputas, revoltas, alianças inesperadas, histórias impressionantes. Amei esse livro. Penas que seja antecedido por um livro excelente e dois porres que são obrigatórios para que se entre no clima deste. Mas certamente este é impressionante pela quantidade de emoção. Sabe aquele livro que você não quer parar de ler? Esse mesmo. 
Não vou me estender mas digo que, com certeza esse livro tinha que sair em dois filmes porque apenas um filme deixaria muita informação vital passar em branco. E ainda assim não sei se o filme conseguirá satisfazer o livro. 
Mega recomendo!!!
Anúncios

Resenha: Eclipse

Ok. Finalmente comecei a gostar dessa série. Esse livro é muito legal. Envolvente, misterioso e aqui o bandidos são realmente malvados. Esses vampiros REALMENTE tem sede de sangue. Jacob a cada dia fica melhor, mais sexy e muito mais interessante. Penas que tenha apenas 16 anos! Huahauahauahaua. Eu seria acusada de pedofilia com aquele garoto.Uhuuu. A Victória é muito malvada, vilâ super demais. Já tinha gostado do filme, adorei o livro. Tudo de bom. E nesse livro finalmente Bella começou a me cativar. Ela está mais madura, realmente mais adulta. Antes ela tinha o título, mas não as atitudes. Agora ela tem. A forma como não abandonou Jacob, e se esforçou por manter a amizade dele.
Minha pergunta agora: Porque seres humanos não podem ter imprint? Aquilo é perfeito. Aliás lobos amam para sempre você, mesmo velhina. Rsrsrs. É o amor que todas sonhamos tanto. Quero um homem com imprint por mim!!! Rsrsrs.
E a história de Rosalie? Nossa, todo meu ódio por ela se esvaiu nesse livro. Tudo que ela passou, eu não poderia nem sonhar. Chocante. Ela não se tornou a personagem mais querida do livro, mas certamente ganhou a compreensão de muitos. E Alice, ah! A Alice. Esse menina é tudo de bom. Meiga, linda, mortal e, principalmente, uma amiga e tanto!!!! Adorei ela.

Super recomendo esse livro (e os anteriores pois são obrigatórios para o entendimento deste).

Resenha: Lua Nova

Um brinde aos livros chatos. A autora resolve que, já que Bela Swan deve sofrer, os pobres leitores devem sofrer também. Nossa, que garota depressiva, maníaca obsessiva compulsiva. Sabe aquela amiga que morre a cada amor? Pois é. Essa é Bella Swan na vida real depois de levar um fora de Edward Cullen. Sabe eu já amei (no momento estou solteiríssima). E eu acho muito prejudicial influenciar jovens adolescentes a entrarem nessa deprê horrível. Sei lá, essa garota precisa de psiquiatra e amor próprio! Virar uma vampira não mudará essa personalidade esquizofrênica. Uns dias com essa garota e todo mundo agüenta. Pensa na eternidade ao lado dela? Pobre Edward. Ganhou o prêmio paciência Jabuti do ano. Apesar que ele também é obsessivo. O cara tentou se matar!!! Isso não amor não, é loucura. Então talvez sejam um par perfeito. Um alimentando a loucura do outro. Rsrs.
Não vou gastar meu tempo com esse drama trágico. Quem ler entenderá. Li na internet que esse é o livro mais sombrio. Não, é o mais chato, com alguns pontos interessantes, mas via de regra, triste.
Agora sim temos um Team Jacob. Pensa que o garoto ficou gato!!! Já tinha gostado no filme, agora achei perfeito! Definitivamente eu prefiro o Jacob. Ativo, inteligente, charmos e… atual!!!! O cara não tem cento e poucos anos!!! Sei que ele não ficará com a Bella, mas merece uma gata. Aliás é a interação com o Jacob, que tem muita atitude que salvou esse livro.

Apresento-lhes Bicudo!!!

Meu querido peixinho!!! Um Beta “Vira-Lata” de Half Moon e algum outro, talvez um delta. Minha mãe que deu o nome dele já que ele quando chegou ficava batendo no vidro do aquário dele. Além de ser briguento e esfomeado. E megacurioso!!! Adoro essa nadadeira manchada… Lindo!

Resenha: Crepúsculo

Minha Madrinha é louca pela Saga Crepúsculo. Sério. Muito louca. Diz que a nuca do ator que faz o Edward Cullen é perfeita. Isso mesmo que vocês leram. A Nuca. Não é a boca. Não são os olhos, nem nada. É a nuca. Beleza, eu nunca reparei em nucas antes, mas elas me parecem muito similares umas com as outras. Rsrsrs.

Voltemos ao livro. Comecei a ler Crepúsculo com a mesma expectativa com que leio aqueles romances de banca, Bianca Mística. Esperei uma leitura leve, divertida, que termina em uma tarde. Excelente para intercalar com leituras pesadas como manuais e livros de estudo. (É eu leio Bianca Místico. Rsrsrs.).
O início foi muito chato. Detesto leituras descritivas demais. Embora narrativa em primeira pessoa costume ser deliciosa. Porre. Levei uns 3 dias para animar a terminar de ler. E que heroína mais chata! Bela Swan é uma das personagens mais sem graça que já vi.
Quando finalmente a história começa eu me senti naqueles livros juvenis, das minhas aulas de inglês. Leitura leve, fácil, que já vem digerida. Eu gosto, distrai a mente e não nos obriga a prestar atenção aos detalhes. Os personagens são tão previsíveis quanto esse tipo de livro deve ter. Mocinha boba e tímida. Mocinho antiquado. A família dela é desconjuntada (às vezes é a dele, mas a familia de um tem que ser deslocada e a outra poderosa). Nesse caso é o clássico príncipe (exceto pela sede de sangue e presas). Quase me senti lendo livro da Disney.
Achei meio trash essa história dele observá-la dormindo. Eu não sou lá um exemplo de romantismo então imagina. Quem já acampou sabe, galera ronca, ressona e peida dormindo. Fora quem fala e baba. Imagina só. J
Jacob é um moleque nesse livro. Acabou. Nada de Team Jacob aqui. Talvez depois quando ele ficar gostosão e cortar a longacabeleira. Até lá, fico com aquele patriarca da Família Cullen, Sr. Carlisle. U lá lá.
Até mesmo no momento frenético da perseguição, a batalha e tudo mais Bela consegue ser chata. Edward sem sal e a leitura segue, continua e termina. Sem me animar.

Vou ler os outros livros, apenas para saber como termina. Mas não to empolgada não. L