Cisne Negro – Resenha


Sinopse 

Cisne Negro é um thriller psicológico ambientado no mundo do balé da Cidade de Nova York. Natalie Portman interpreta uma bailarina de destaque que se encontra presa a uma teia de intrigas e competição com uma nova rival interpreta por Mila Kunis. Dirigido por Darren Aronofsky (O Lutador, Fonte da Vida), Cisne Negro faz uma viagem emocionante e às vezes aterrorizante à psique de uma jovem bailarina, cujo papel principal como a Rainha dos Cisnes acaba sendo uma peça fundamental para que ela se torne uma dançarina assustadoramente perfeita.


Esse final de semana resolvi atualizar um pouco minha lista de filmes. Começando por Cisne Negro que estava em casa e eu não animava a assistir pois a sinopse não me animou muito. Mas investi meu tempo…
Esquizofrenia. Pronto, falei. Psicólogos seriam perfeitos para explicar o filme, e nós leigos, podemos nos deliciar com o aspecto psicológico do filme. O final é óbvio mas não diminui a qualidade da interpretação e a densidade da história. A mãe superprotetora que não permite a filha crescer. A quebra da personalidade (representada no poster do filme), e a dedicação incrível do artista em prol da arte. Aliás esse filme me lembra a história de Heath Ledger no filme do Batman em que, especulações inclusas, a dedicação ao personagem levou ao desequilíbrio psicológico e ao suicídio.
Anúncios