Abraça-me

[Sem nada mais a dizer, fico por aqui…]

Abraça-me /
June A
Cruze seus braços por meu corpo.
Una seu coração ao meu numa só batida.
Divida o oxigênio disponível para nós dois.
Isole os maus sentimentos para fora de nosso laço.
Permita que meu amor inunde o nosso pequeno recanto
forjado por seus braços.
Deixe que eu encoste minha cabeça em seus ombros.
Que um beijo mudo pouse em seu pescoço.
E permita que uma lágrima discreta umedeça sua camisa.
E ouça de meus lábios um sussurrado “Ainda te amo”.
Seguido de um triste “Adeus, querido”.
Depois desfaça o laço.
E me libere para seguir em frente.
Coração aberto e ansioso por outro abraço.
E que esse seja laço e permaneça laçado em mim…