Colcha de Retalhos

[Pedacinhos sem forma separados, unidos, algo completo, único, incomparável…]
June A


Uma vida comparada á uma Colcha de Retalhos, quer coisa mais franca?
Uma verdadeira balburdia!
Como sempre fizeram nossas avós, comece a costurar a sua!

Em termos atuais: PATCHWORK.
Por definição: “trabalho feito de retalhos“, que une o simples aproveitamento de materiais


Monte com pedacinhos de tecidos diferentes. Fragmente os momentos, os ensinamentos, as pessoas, os sonhos, as aspirações e civilidades.

A partir de agora a vida é assim: cortando + costurando.


Não tem graça nenhuma ser de uma cor ou de um jeito só. Não planeje, não compre pronta, não mande fazer ou se conforte com o que você sempre quis.

Diferencie , assim como uma peça única, exclusiva e pessoal.


Habilidades manuais. Você precisa pelo menos um pouco de coordenação motora e sensatez. Separe e comece o recorte de seus instantes inconstantes, coloridos, marcantes, salpicados, ociosos, floridos, produtivos listrados, lacrimejantes e o xadrez tão evitado.

As partes estrupiadas, rasgadas, gastas… Também fazem parte da montagem. Que graça teria sem os erros pra gente poder aprender? Não devem ser ignorados. Á mostra, sua colcha parecerá bem mais sincera. Fora que quando vemos os dos outro, avaliamos os nossos…

Momentos pregados e unidos com fio de algodão. Assim, um do lado do outro, tão diferentes, secretos, variados ,semelhantes, obscuros, formando uma coisa só.

Vá costurando…..


“….a saudade
é uma colcha velha
que cobriu um dia
numa noite fria
nosso amor em brasa
a saudade
é brigitte bardot
acenando com a mão
num filme muito antigo…”

Zeca Baleiro -brigitte bardot