Eu não queria mesmo…

“Uma Raposa, morta de fome, viu alguns cachos
de Uvas negras e maduras, penduradas nas grades
de uma viçosa videira.
Ela então usou de todos os seus dotes e artifícios para
alcançá-las, mas acabou se cansando em vão, pois
nada conseguiu.
Por fim deu meia volta e foi embora, e consolando a
si mesma, meio desapontada disse:
Olhando com mais atenção, percebo agora que as
Uvas
estão estragadas, e não maduras como eu imaginei a princípio. “


Um cara, sem auto-estima elevada, viu uma garota morena e madura, listada nas visitas ao seu Orkut.
Ele então a conheceu, ficou com ela algumas vezes, usou todos os seus dotes e artifícios para conquistá-la, mas tudo acabou sendo em vão, pois nada conseguiu.
Por fim, levou um pé na bunda e foi embora, e consolando a si mesmo, meio desapontado, disse a ela:
– Tudo bem, eu não estava apaixonado por você mesmo.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s